Nutrição – Página: 3 – Nutrição e Desenvolvimento
logo

Bem Vindos ao Nutrição e Desenvolvimento

Horário de Atendimento
Segunda - Sexta 09:00AM - 17:00PM
Sábado - Domingo FECHADO
NOSSA GALERIA

Seg - Sex 9.00 - 17.00

55-11-3845-7267

Whatsapp 55-11-9833-2857

R. Guarará, 529 - Cj. 58 - Jardim Paulista, São Paulo

Top

Estudo alemão conclui que substância do espinafre pode causar doping

Pesquisadores afirmam que ecdisterona melhora o desempenho físico e recomendam a proibição da substância para atletas profissionais. No desenho animado Popeye, o marinheiro ganha força extra quando come uma lata de espinafre. Cientistas da Universidade Livre de Berlim descobriram que isso não é apenas ficção. Após um estudo, eles recomendam que a ecdisterona - substância química presente no espinafre - seja adicionada à lista de doping. O Instituto de Farmácia da universidade conduziu um programa de treinamento de força de 10 semanas com 46 atletas para testar como a substância afeta o desempenho físico. Alguns dos participantes receberam placebos e, outros, cápsulas de ecdisterona contendo o equivalente a até 4 quilos de espinafre cru por dia. Durante a pesquisa, que foi apoiada pela Agência Mundial Antidoping (Wada, na...

Share

Abuso de álcool na adolescência danifica o cérebro

Exagerar nas bebidas alcoólicas foi associado a um menor volume de regiões cerebrais Pesquisadores da Universidade da Finlândia Oriental e do também finlandês Hospital Universitário Kuopio realizaram exames de ressonância magnética para analisar o cérebro de adultos saudáveis que já exageravam nas doses de álcool desde a adolescência. A ideia era comparar essas avaliações com as de outro grupo, composto por voluntários que bebiam pouco. O estudo foi longo: durou dez anos, com testes feitos em 2005, 2010 e 2015. Na primeira etapa, os participantes tinham de 13 a 18 anos de idade e apresentavam bom desempenho acadêmico, além de não manifestarem qualquer tendência a transtornos mentais. Embora parte do pessoal bebesse bastante, ninguém recebeu o diagnóstico de alcoolismo. Os cientistas descobriram que a turma que abusava desde...

Share

Estudo indica que consumo de peixe aumenta o tempo de vida saudável

O dinamarquês vai ganhar um benefício de saúde de substituir parte da carne vermelha e processada em sua dieta com peixe, de acordo com cálculos do Instituto Nacional de Alimentos, Universidade Técnica da Dinamarca. Homens com mais de 50 anos e mulheres em idade fértil, em particular, se beneficiariam de tal mudança na dieta. Em um estudo de doutorado no Instituto Nacional de Alimentos, Sofie Theresa Thomsen desenvolveu um método para calcular o impacto total na saúde de substituir um alimento por outro na dieta. O método tem sido usado para avaliar o impacto na saúde que seria alcançado pela substituição da carne vermelha e processada por peixe, de modo que a ingestão alcançasse a ingestão semanal recomendada de 350 gramas de peixe. O peixe é uma...

Share

Deficiências de Vitamina D e Estradiol associadas ao risco de síndrome metabólica

Um estudo relatado em 12 de junho de 2019 na Menopausa, a revista da Sociedade Norte-Americana de Menopausa (NAMS) descobriu que ter níveis suficientes de vitamina D e a forma de estrogênio conhecida como o estradiol pode ajudar a diminuir o risco de síndrome metabólica, um grupo de sintomas cuja presença está associada a um risco aumentado de diabetes e doença cardiovascular. O estudo incluiu 616 mulheres chinesas na pós-menopausa entre as idades de 49 a 86 anos que não estavam recebendo terapia de reposição de estrogênio ou suplementos de vitamina D. Os níveis de vitamina D e estradiol foram encontrados para ser correlacionados, e níveis mais elevados de vitamina D foram associados com pressão arterial favorável, os níveis de glicose e os níveis de lipídios....

Share

Cereais integrais podem proporcionar benefícios à saúde, alterando a produção intestinal de serotonina

Adultos que consomem cereais integrais têm níveis mais baixos de serotonina no plasma do que pessoas que comem pão de trigo com baixo teor de fibras, de acordo com um estudo recente da Universidade do Leste da Finlândia e da Agência Internacional de Pesquisa sobre Câncer (IARC). No estudo, o consumo de fibra de cereais a partir de centeio ou trigo também foi encontrado para reduzir os níveis de serotonina no cólon de ratos. À luz dos resultados, os benefícios para a saúde dos cereais integrais podem estar ligados, pelo menos em parte, à alteração da produção de serotonina nos intestinos, onde a maior parte da serotonina do corpo é produzida. Os resultados foram publicados no American Journal of Clinical Nutrition. O consumo de cereais integrais...

Share

Insuficiência nutricional associada a sono insuficiente

Um estudo publicado em 9 de junho de 2019 na Nutrition 2019, a reunião anual da American Society for Nutrition, encontrou uma associação entre a ingestão reduzida de vários nutrientes e um maior risco de sono insuficiente. Chioma Ikonte e colaboradores analisaram dados da Pesquisa Nacional de Saúde e Nutrição (NHANES 2005-2016), que incluiu homens e mulheres residentes nos EUA. Entre os indivíduos com 19 anos de idade ou mais, 32,7% tiveram sono curto, 27,7% tiveram problemas para dormir 47,3% apresentaram má qualidade do sono, 8,94% foram afetados por distúrbios do sono, 15,1% relataram insônia, 37,9% aumentaram a latência do sono (o tempo necessário para adormecer) e 9,3% usaram medicamentos para dormir mais de cinco vezes durante o sono. no mês anterior ao relato dos dados. Dormir...

Share

Evitando a perda de massa muscular à medida que envelhecemos

Por volta dos 25 anos, o pico de massa e força muscular geralmente ocorre para a maioria dos indivíduos. Com duração de alguns anos, este é o período em que os atletas de força ou até mesmo os guerreiros de fim de semana experimentarão a altura de sua musculatura, juntamente com sua capacidade de mover pesos pesados. Mas, manter a forma de pico torna-se bastante difícil ao longo do tempo, uma vez que gradualmente perdemos massa muscular à medida que envelhecemos. "Entre 40 e 70 anos de idade, a massa muscular pode diminuir em até 8% por década", disse o Dr. José Rodolfo Dimaano, diretor médico da Abbott Nutrition. "Depois dos 70 anos de idade, essa taxa de perda quase dobra", acrescentou. Por mais difícil que...

Share

Suplementação de selênio associada a menor risco de mortalidade na UTI

Resultados de uma meta-análise relatada na edição de maio de 2019 da revista Medicine encontraram um menor risco de mortalidade entre pacientes de unidade de terapia intensiva (UTI) que receberam o mineral antioxidante selênio . "Estudos anteriores indicaram que os níveis de antioxidantes e anti-inflamatórios circulantes diminuiriam rapidamente após lesões, sepse ou cirurgia e permaneceriam abaixo dos níveis normais por vários dias ou mesmo semanas", escrevem Yan Zhao e colegas do Chinese PLA Army General Hospital em Pequim. “Quanto mais grave for o trauma, a síndrome da resposta inflamatória sistêmica (SIRS) ou a sepse, maior a depleção de antioxidantes. Essas mudanças estão associadas a um aumento na geração de radicais livres, um aumento da resposta inflamatória sistêmica, e estão desempenhando um papel direto na morte celular,...

Share

Extrato de cranberry pode reduzir a necessidade de antibióticos

Um estudo relatado em 28 de maio de 2019 na Advanced Science sugere que o cranberry  poderia reduzir a dose de antibióticos necessários para tratar infecções bacterianas. A redução do uso de antibióticos pode ajudar a retardar o crescente problema da resistência aos antibióticos, o que torna os medicamentos menos eficazes quando usados ​​no tratamento de doenças infecciosas. Atuando com o conhecimento de que o suco de cranberry ajuda a prevenir infecções do trato urinário, pesquisadores da Universidade McGill e do INRS em Montreal investigaram os efeitos da adição de uma fração proantocianidina de cranberry contra Escherichia coli, Pseudomonas aeruginosa e Proteus mirabilis. O extrato de cranberry aumentou a eficácia do sulfametoxazol, nitrofurantoína, gentamicina, canamicina, tetraciclina e azitromicina contra essas bactérias, permitindo o uso de até...

Share

A MÃE DE TODOS OS ANTIOXIDANTES: O QUE É E COMO ATUA A GLUTATIONA

A glutationa é o antioxidante mais abundante no sistema de combate aos radicais livres. Ela também tem papel ativo na recuperação celular e na eliminação de toxinas. Saiba mais sobre a glutationa, que é considerada a “mãe de todos os antioxidantes”. O que é a glutationa A glutationa é uma molécula formada por três aminoácidos: cisteína, glicina e ácido glutâmico. Está presente na maioria das células do organismo, não apenas no meio intracelular como também no meio extracelular, atuando em diversos processos. Assim, sua deficiência é considerada um dos principais fatores que causam envelhecimento celular e redução da expectativa de vida. Função antioxidante Antioxidantes têm a capacidade de “doar” um de seus elétrons aos radicais livres e ainda continuarem estáveis. Assim, os radicais livres se tornam moléculas estáveis e...

Share
  • January 2018
  •