logo

Bem Vindos ao Nutrição e Desenvolvimento

Horário de Atendimento
Segunda - Sexta 09:00AM - 17:00PM
Sábado - Domingo FECHADO
NOSSA GALERIA

Seg - Sex 9.00 - 17.00 Sab - Dom FECHADO

55-11-3845-7267

R. Guarará, 529 - Cj. 58 - Jardim Paulista, São Paulo

Top

Os principais sintomas de alergia a leite de vaca

O leite de vaca é composto de diferentes componentes, como açúcar do leite, proteínas (caseína e soro de leite) e gordura. Por causa disso, é altamente possível desenvolver alergias a partir da fórmula. Os resultados da pesquisa mostram que 1 em cada 50 crianças são alérgicas ao leite de vaca; no entanto, a condição geralmente é superada por três a cinco anos de idade.

Reações alérgicas ao leite de vaca se desenvolvem quando o sistema imunológico do organismo confunde os componentes protéicos do leite de vaca como uma ameaça. Esses componentes protéicos são naturalmente inofensivos. Quando o sistema imunológico rejeita a proteína do leite de vaca, libera substâncias químicas, como as histaminas, que provocam reações alérgicas.

A diferenciação entre a alergia ao leite de vaca e a intolerância à lactose é muitas vezes confundida. No entanto, reações alérgicas ao leite de vaca e à intolerância à lactose são duas condições médicas diferentes provocadas por diferentes fatores desencadeantes. Como mencionado anteriormente, a alergia ao leite de vaca se desenvolve quando o sistema imunológico rejeita o componente proteico da fórmula láctea. Por outro lado, a intolerância à lactose é desencadeada quando o sistema digestivo não consegue digerir completamente o açúcar do leite devido a enzimas lactose insuficientes.

A idade também é um fator determinante na diferenciação das duas condições. A alergia ao leite de vaca é comum entre as crianças, mas raramente ocorre após os três anos de idade. Enquanto isso, a intolerância à lactose é mais comum e se desenvolve entre as crianças mais velhas, geralmente após outra condição médica, como gastroenterite.

Em alguns casos, o desconforto na garganta e a consistência anormal do muco também estão associados às alergias ao leite de vaca. Entretanto, pesquisas sugerem que tal condição é causada pela viscosidade do produto lácteo, e que tal desconforto também ocorre quando outros líquidos de consistência similar são ingeridos.

Categorização de alergias ao leite de vaca

Reações alérgicas do leite de vaca podem ocorrer em diferentes momentos após a exposição:

As reações de início rápido ocorrem dentro de 15 minutos a 2 horas após a ingestão ou exposição ao leite de vaca. Testes de alergia para leite de vaca geralmente são positivos.
Reações tardias ocorrem 2 a 8 horas após o consumo ou exposição ao leite de vaca. Este tipo de reação é incomum. Testes de alergia para leite de vaca geralmente são negativos.
Reações muito tardias ocorrem 1 a 3 dias após a exposição ao leite de vaca. Essa condição é muito incomum. Testes de alergia para leite de vaca quase sempre saem negativos.
Diferentes tipos de reação alérgica podem ser diagnosticados com base na velocidade de início. Como tal, a alergia ao leite de vaca pode ser classificada em dois tipos, com base na sintomatologia: mediada por IgE e não mediada por IgE.

As alergias ao leite mediadas por IgE ocorrem poucas horas após a exposição à digestão. Reações de início rápido e reações tardias se enquadram nessa categoria. As alergias ao leite não mediadas por IgE, por outro lado, ocorrem muitas horas ou mesmo alguns dias após o consumo do produto lácteo. Reações muito atrasadas se enquadram nessa categoria.

Sinais e sintomas da alergia ao leite de vaca
Os sintomas da alergia ao leite de vaca dependem da taxa de início da doença. Em uma alergia mediada por IgE, os sintomas geralmente incluem:

Reacções cutâneas
Dor abdominal
Náusea ou vômito
Diarréia
Febre
Chiado
Problemas respiratórios
Anafilaxia (para casos graves)
Em contraste, as alergias não mediadas por IgE mostrariam os seguintes sintomas:

Reações cutâneas (geralmente eczema)
Refluxo
Banquinho incomum
Prisão de ventre
Dor abdominal
Problemas respiratórios
Ambas as formas de alergias requerem atenção médica imediata e tratamento. Os cuidadores geralmente são solicitados a monitorar os sintomas da criança e sua relação com a ingestão de leite de vaca por uma semana ou duas após o início da reação alérgica.

Fonte: News Medical

Share

No Comments

Post a Comment