logo

Bem Vindos ao Nutrição e Desenvolvimento

Horário de Atendimento
Segunda - Sexta 09:00AM - 17:00PM
Sábado - Domingo FECHADO
NOSSA GALERIA

Seg - Sex 9.00 - 17.00

55-11-3845-7267

Whatsapp 55-11-9833-2857

R. Guarará, 529 - Cj. 58 - Jardim Paulista, São Paulo

Top

O álcool e a performance de atletas

Fonte: ACSM’s

Os efeitos causados pelo álcool depende da quantidade consumida e circunstâncias individuais. O consumo diário de até 4 doses pode ter um efeito de proteção para o sistema cardiovascular. 
A maioria das pessoas consome álcool para fins de redução do estresse (efeito ansiolítico). Em contra-partida, o álcool tem uma variedade de efeitos negativos, de fisiológicos à sociais, provocando uma média de 100.000 mortes por ano nos estados unidos.

Do ponto-de-vista fisiológico, duas situações devem ser ressaltadas para o indivíduo que pratica exercícios físicos e consome álcool. O álcool pode trazer efeitos negativos para as habilidades motoras e performance física. O excesso de álcool pode impedir uma boa performance; indivíduos diagnosticados como dependentes do álcool apresentaram diversos graus de lesão muscular e fraqueza. Além disso, o abuso na ingestão de álcool é tão presente no grupo de atletas quanto em qualquer outro; a grande maioria de atletas começou a beber ainda no ensino médio.

O CONSUMO DE ÁLCOOL PELOS ATLETAS
O consumo de álcool pelos atletas começa muito cedo, mesmo no fim do ensino fundamental. Entre os estudantes do ensino médio, os atletas masculinos têm maior probabilidade de não só fazer uso do álcool, mas abusar do mesmo. Essa relação parece não ser tão marcante no ensino superior. Nada foi relatado entre os jogos universitários que pudesse ser apontado como abuso pela NCAA e nem entre os jogos olímpicos e profissionais da NFL, NBA, e USOC.

ÁLCOOL COMO NUTRIENTE
Cada grama de álcool (etanol) contém 7 kilocalorias comparado a 9 de gordura e 4 para carboidrato e proteína. Outros nutrientes podem estar presentes, depende do tipo de bebida. A cerveja, por exemplo, tem sido apontada como uma boa fonte de diversos nutrientes e muitas vezes é utilizada na preparação de atividades de endurance ou como reposição após competições. Atualmente, o suco de laranja americano supre 4 vezes mais a quantidade de potássio e quase mais de 3 vezes a de carboidrato necessário, e levaria em média a ingestão de 11 cervejas, por exemplo, para obter a quantidade de vitamina B recomendada pelo RDA.


A PERFORMANCE NA PRESENÇA DO ÁLCOOL NO SANGUE (EFEITO ACURADO)
Performance motora – pequena quantidade de álcool (0.02-0.05gr/dL) pode causar redução nos tremores de mão, melhora no equilíbrio, jogar com maior precisão e retidão nos arqueiros, mas com tempo de reação menor e menor coordenação olho/mão; quantidade média de álcool (0.06-0.10 gr/dL) afeta negativamente as habilidades. 
Força, explosão e performance de curta duração – O efeito do consumo de álcool, em doses pequenas e médias podem ser ambíguas pois podem trazer efeitos no aumento da força, altura de saltos, corridas de 200 e 400m e ainda pode resultar em fadiga mais cedo durante exercícios de alta intensidade. Em contra-partida a ingestão de álcool mostrou falta de força muscular em diversos músculos, em resistência muscular e em corridas de 100 metros.

 

Share

No Comments

Post a Comment